ABCZ inclui mais um critério no Zebu a Campo

ABCZ inclui mais um critério no Zebu a Campo

ABCZ

O Zebu a Campo é uma nova modalidade de julgamento que será promovido na ExpoZebu. O evento vai acontecer no Pavilhão Multiuso, entre os dias 1º e 3 de maio. O regulamento, que já foi disponibilizado no site da ABCZ, sofreu uma pequena alteração no artigo sexto com o objetivo de expandir o filtro e contemplar também os animais que tenham Top abaixo de 50%, mesmo não sendo produto de pais com avalição genética positiva.

Em resumo, os criadores poderão inscrever neste julgamento trios de animais de uma mesma raça, do sexo masculino ou feminino, de todas as raças zebuínas de aptidão corte, que atendam as seguintes exigências: portadores de registro genealógico nas categorias PO – Puro de Origem, e que estiverem em nome do expositor nos arquivos do SRGRZ; ter pai e mãe com avaliação genética positiva em programas oficiais de melhoramento genético, classificados entre os 50% (cinquenta por cento) superiores; ou  o produto em si, estar classificado entre os 50% (cinquenta por cento) superiores, independentemente da classificação dos pais, prevalecendo para essa definição o índice adotado pelo programa.

“Nós revisamos o regulamento por sugestão de um expositor e decidimos abrir essa condição de inscrição dos trios candidatos para não excluir um grupo grande de animais mais jovens que estão chegando com ótimas avaliações. Esse é um caminho pelo qual o programa de melhoramento conduz o rebanho.

Um acasalamento correto, mesmo entre animais negativos, pode gerar produtos superiores e compará-los dentro da população é essencial para o trabalho de seleção a que se propõe o julgamento”, explica o Superintendente Técnico da ABCZ, Luiz Antonio Josahkian.

As inscrições para o Julgamento Zebu a Campo já estão aberta. Veja o regulamento completo aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *