Histórico

E m busca do reconhecimento do Tabapuã como raça, no dia 14 de outubro de 1968, Alberto Ortenblad, Fazenda Água Milagrosa, mobilizou criadores e fundou a Associação Brasileira dos Criadores do Mocho Tabapuã, oficialmente reconhecida pelo Ministério da Agricultura em 1969.  Alberto Ortenblad dirigiu a entidade de 1969 a 1993.
A então Associação Brasileira dos Criadores do Mocho Tabapuã, hoje Associação Brasileira dos Criadores de Tabapuã – ABCT tem como objetivo trazer benefícios, defender o interesse do criador, além de fomentar e promover exposições, leilões, provas zootécnicas, estudos, cursos, seminários e conferências necessárias e de difundir o nome da raça dentro e fora do país.

D e origem genuinamente brasileira o Tabapuã conquistou prestigio e credibilidade provando a força de suas características e habilidades naturais.
Seja em pista de julgamento, provas de ganho de peso, feiras ou exposições a Associação está intimamente ligada a raça na organização desses eventos e competições.
Mobilizando criadores e agregando selecionadores, hoje conta com mais de cem associados em todo o Brasil. Sendo que cada um deles tem um papel como agente propagador de uma raça eficiente e altamente produtiva.
A ABCT se sente honrada em fazer parte desta história de sucesso que percorreu ao longo dos anos, um longo caminho de trabalho pelo crescimento do mercado e desenvolvimento da pecuária nacional para alavancar cada vez mais ações de agregação e multiplicação do universo do Tabapuã.

Fundadores

  • • Alberto Ortenblad
  • • Nilo Caiado Fraga
  • • Armando Klabin
  • • Carlos Arthur Oterbland
  • • Jeorge Ellis
  • • João Borges Neto
  • • John Bradford Locke
  • • José Eduardo Cirne Dantas
  • • José Elesbão Cirne Dantas
  • • José Martins dos Santos Filho
  • • Major Alfredo Elis Neto
  • • Manoel Campbell Penna
  • • Norton Prates Correa
  • • Oswaldo Gudolle Aranha
  • • Ramon de Oliveira Netto
  • • Theodoro Eduardo Devivier

Presidentes

  • • Alberto Ortenblad (Fundador) - 1969 a 1993
  • • Maria Helena Dumont Adams – 1993 a 1998
  • • Nilo Muller Sampaio – 1998 a 2002
  • • Antônio Augusto Bossi - 2002 a 2004
  • • Churchuill Cavalcanti César 2004 a 2008
  • • Renato Garcia Fernandes 2008 a 2010
  • • Raimundo Jezualdo Sales 2010 a 1012
De 05/2010 a 11/2010 (período de vacância)= Antônio Levillier Garcia, Edgard Ramos Silva Rego Junior, Paulo Henrique Julião Camargo, Giorge Lorenzo Giuzeppe A. Arnaldi
Paulo Alexandre Cornélio de Oliveira Brom 2013 a 2015